segunda-feira, 31 de maio de 2010

PROJETO CINEMA NACIONAL NAS ESCOLAS

O Senado acaba de aprovar um projeto de lei que vai obrigar as escolas públicas do país a terem sessões mensais de filme brasileiro. A proposta do senador Cristovam Buarque (PDT-DF) foi apreciada em caráter terminativo na Comissão de Educação, Cultura e Esporte e agora segue para a Câmara dos Deputados, antes de ser sancionada pelo presidente. Se a lei for colocada em prática, as unidades de ensino básico do país terão que separar pelo menos duas horas por mês da grade extra-curricular para exibições do cinema nacional.

Fonte:

http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/escolas-poderao-ser-obrigadas-passar-filmes-brasileiros-aumentar-plateia-cinema-nacional-563379.shtml?utm

Excelentíssimo Senhor Senador Cristovam Buarque,

gostaríamos de parabenizá-lo pelo projeto de lei de sua autoria, que obriga as escolas públicas e privadas a oferecerem filmes nacionais a seus alunos. O cinema nacional nas escolas em muito contribuirá para a formação de crianças e jovens, em especial a capacidade de se comunicarem e expressarem.

Entretanto, perguntamos: estes filmes serão legendados?

A dúvida se justifica pelo fato de que, como pessoas de pouca ou nenhuma capacidade auditiva , sabemos que a falta de legendas nos filmes tornará este projeto obsoleto para crianças e jovens que possuem esta deficiência, e que, infelizmente, não são poucos. Sabemos também que mesmo para crianças ouvintes, a legenda ajuda, e muito, na alfabetização.

Nós, Surdos Usuários da Língua Portuguesa consideramos essa a nossa primeira língua e não utilizamos Libras para nos comunicar. Nas mesmas condições temos crianças e jovens que anseiam pelo acesso ao conhecimento e à cultura de nosso país, que por meio das legendas tiveram a alfabetização facilitada, que se submetem a inúmeras sessões com fonoaudiólogos, implantados, usuários de aparelhos auditivos, com surdez total, parcial, bilateral, unilateral, com surdez das mais variadas causas e sem nenhuma chance de cura.

Já alcançamos algumas vitórias e temos nossos direitos regulamentados por Lei: Decreto 5.296/04 e ABNT NBC 15290:2005, entretanto, vemos que ainda há muito para ser conquistado. Pouco temos visto em termos práticos. Por isso, perguntaremos novamente: Senhor Senador, estes filmes serão legendados? O projeto de Vossa Excelência nos inclui?

Certos de que V. Exa. adequará o projeto às nossas necessidades com o objetivo primordial e constitucional de tornar efetivo o direito de TODOS à educação, e não somente de alguns, subscrevemo-nos,

Atenciosamente,

Surdos Usuários da Língua Portuguesa.

Se você acha que as legendas para filmes do cinema nacional são necessárias escreva também para o Senador Cristovam Buarque:

cristovam@senador.gov.br

sábado, 29 de maio de 2010

SEMINÁRIO: AÇÕES E REFLEXÕES SOBRE AIDS E DEFICIÊNCIA: DIFERENTES VOZES


Acontece dias 23 e 24 de junho de 2010, no auditório do Instituto APAE de São Paulo, à Rua Loefgren, 2109, no bairro de Vila Clementino, na cidade de São Paulo (SP).

O objetivo do evento é dar voz a diferentes atores e segmentos sociais que trabalham com temas ligados ao HIV/aids e aos diversos tipos de deficiência. O seminário visa relatar iniciativas e projetos de prevenção e tratamento e também estimular reflexões, dando visibilidade a temas ainda cercados por preconceitos e tabus.

O seminário é a etapa final do projeto de mesmo nome, coordenado pelo Amankay Instituto de Estudos e Pesquisas, com o apoio do Centro de Referência e Treinamento DST/Aids (Coordenação Estadual DST/Aids) da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo e com as parcerias do Instituto APAE de São Paulo, Associação para Valorização de Pessoas com Deficiência (AVAPE), Casa de Cultura do Itaim Paulista da Prefeitura de São Paulo, Casa de Cultura de Santo Amaro, CECCO Santo Amaro Centro de Convivência e Cooperativa, Rede Atitude e tradução/interpretação da Educalibras.

As vagas são limitadas.
As inscrições devem ser feitas até 18 de junho, no site da APAE SP:


www.apaesp.org.br

A APAE SP está investindo na acessibilidade de seu site; lamentamos eventuais inconvenientes.
Visite o blog:


www.aidsedeficiencia2010.blogspot.com

Serviço
Inscrições gratuitas e limitadas
Número de participantes: 200
Horário: 8h00 às 17h30
Inscrições apenas através do site:


www.apaesp.org.br

Haverá intérprete de Libras
Haverá entrega de Certificado

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Notícias da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência SÃO PAULO

Quinta-Feira, 27 de Maio de 2010 - Boletim nº 18

Espaço do Leitor Utilize este espaço para divulgação de Iniciativas Inclusivas Envie novidades para o e-mail
boletimSEDPcD@sp.gov.br

Participe do Observatório dos Direitos da Pessoa com Deficiência

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência lançou o Observatório dos Direitos da Pessoa com Deficiência. O objetivo é registrar programas, projetos e ações em prol dessa expressiva parcela da população, e disseminar iniciativas inclusivas em todo o Estado

Secretaria realiza Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania em São José dos Campos

No dia 29 de maio será realizado o encontro da Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania no município de São José dos Campos. A Caravana acontece entre abril e agosto e é uma iniciativa da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, em parceria com a União de Vereadores do Estado de São Paulo (UVESP) e com apoio do Conselho Estadual para Assuntos da Pessoa com Deficiência (CEAPcD). O objetivo é mobilizar e conscientizar a sociedade para a necessidade de consolidar políticas públicas que contemplem os direitos das pessoas com deficiência.

II Desfile de Moda Inclusiva é em 07 de junho

O Segundo Desfile de Moda Inclusiva acontece no dia 07 de junho, a partir das 19h00, no Museu da Língua Portuguesa. Estudantes de todo o estado encaminharam inscrições e um “look” (croqui e ficha técnica), que foram analisados por uma comissão julgadora e escolhidos os 20 melhores.

Inscrições abertas para visita ao Memorial da Inclusão

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e o Espaço da Cidadania convidam para visitação ao "Memorial da Inclusão: os Caminhos da Pessoa com Deficiência", no próximo dia 08 de junho, às 9:00 horas.

Conselho realiza I Encontro de Conselhos Municipais de Direitos da Pessoa com Deficiência

No dia 26 de maio, o Conselho Estadual para Assuntos da Pessoa com Deficiência realizou o I Encontro de Conselhos Municipais de Direitos da Pessoa com Deficiência. O evento tem o objetivo de potencializar conselheiros para desempenharem suas tarefas institucionais juntos aos Conselhos.

Expediente
Boletim Informativo da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com DeficiênciaSecretária de Estado: Dra. Linamara Rizzo Battistella.Coordenadoria: Cid TorquatoGestora do Núcleo de Comunicação Institucional: Maria Isabel da SilvaGestão de Conteúdo e Emissão: Ricardo TanoeiroContato: (11) 5212.3700.
Site:
http://www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br/

Twitter:
http://twitter.com/deficienciasp

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Vídeo sobre legenda oculta exibido SEM LEGENDAS

É UMA PENA, UM VÍDEO SOBRE UM ASSUNTO QUE NOS INTERESSA MUITO: LEGENDA OCULTA (CLOSED CAPTION) É MOSTRADO JUSTAMENTE SEM LEGENDAS.


http://www1.folha.uol.com.br/folha/videocasts/738790-saiba-como-funciona-e-quem-faz-o-closed-caption-da-tv.shtml

Meu comentário para a Folha:

Me pareceu um grande erro mostrar um vídeo sobre legenda oculta, assunto que interessa ao deficiente auditivo justamente sem legendas...uma parte do público interessado ficou "por fora" porque não podemos ouvir o audio. Obrigada

Por favor se você também se sente prejudicado com filmes ou vídeos sem legendas não deixe de reclamar e expor sua necessidade.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

CENSO 2010 - DADOS REFERENTES À DEFICIÊNCIA

Dados Preliminares Sobre deficiência auditiva - censo 2010
http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/resultados_preliminares_amostra/default_resultados_preliminares_amostra.shtm 

Deficiência Auditiva (total) – 9.722.163
Não consegue ouvir de modo algum – 347.48
Grande dificuldade p/ouvir – 1.799.885 
Alguma dificuldade p/ouvir – 7.574.797

No link abaixo calendário de divulgação dos resultados do censo 2010:
http://www.censo2010.ibge.gov.br/calendarioresul.php 


Sobre Censo de 2000 leia: 
dados sobre deficientes auditivos
http://sulp-surdosusuariosdalinguaportuguesa.blogspot.com/2009/05/dedidientes-auditivos-censo-de-2000.html

Fotos de SôRamires feitas para este blog. É permitida a reprodução desde que citada a autoria das fotos e a fonte.
Av.Paulista em frente ao MASP em 21/05/2010


Há controvérsias sobre a metodologia a ser empregada no censo mas não temos dados pra discutir questões técnicas e estatísticas.

Nossa preocupação é que os dados estatísticos sejam bem coletados porque é a partir desses dados que as políticas públicas se estabelecem.

Isso implica concessão de verbas,aplicação de leis, etc. e outras medidas para promover a acessibilidade do cidadão com deficiência, desde medicamentos, tratamentos e próteses até outras medidas de abrangência social.







Eu e a turma esperando a chegada dos demais...





















ESTE ASSUNTO NOS INTERESSA DIRETAMENTE PORQUE AS POLÍTICAS PÚBLICAS A RESPEITO DE INCLUSÃO E OUTRAS MEDIDAS SOBRE DEFICIÊNCIA E DEFICIENTES DEPENDEM DE DADOS CORRETOS E PRÓXIMOS À REALIDADE.

SE NÃO SOUBERMOS QUANTOS SOMOS, QUE TIPOS DE DEFICIENTES EXISTEM NA POPULAÇÃO BRASILEIRA FICA DIFÍCIL PENSAR O ASSUNTO E APRESENTAR SOLUÇÕES.




FONTE:
http://sentidos.uol.com.br/canais/materia.asp?codpag=13462&canal=Ligado


Ato Público
Av. Paulista será palco de manifestação para que o Censo 2010, que diz respeito à pessoas com deficiência seja feito de forma adequada


No dia 21 de maio representantes da sociedade civil realizarão um ato público, em frente ao Museu de Artes de São Paulo (MASP), na Av. Paulista para reivindicar que o novo Censo 2010 voltado às pessoas com deficiência seja feito de forma adequada.

O Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE) no próximo Censo 2010, se propõe a coletar dados referentes as pessoas com deficiência de forma de amostragem.
O Censo passará em todas as residências do Brasil. Sendo que amostragem é uma forma econômica (poupando tempo e dinheiro), onde os dados de pessoas com deficiência serão coletados de 10 em 10 casas.
Segundo a geógrafa - diretora de política social do INIS e Conselheira-suplente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo (CMPD-SP), Clarice kammer Perl, muitas pessoas com deficiência continuaram sem existir, caso o Censo pesquisar em forma de amostra.

"O IBGE nos respondeu que os questionários já estão prontos e o Censo iniciará em 01 de agosto e não tem mais tempo de melhorar o questionário." Segundo ela, para que as pessoas com deficiência passe a existir, em dados precisos do IBGE no Censo 2010, é hora de UNIÃO.

"Vamos aguardar mais 10 anos, até 2020 para passarmos a existir precisamente?.

"Objetivos do Ato Público:
Para que as pessoas com deficiência tenham políticas públicas realizadas de forma concreta e séria;
Para que o Ibge realize um censo 2010 não sob forma de amostragem, na coleta de dados de pessoas com deficiência;
Para que o ministério público federal do estado de são paulo, nos informe uma posição da denuncia encaminhada e protocolada sob número 1.34.001.001709/2010-69. Participe você também!
Ato Público: Censo do IBGE X Pessoas com Deficiência
Dia: 21/05Onde: MASP - Av. Paulista (2 quadras do Ministério Público Federal de SP)
Horário: 13h00Link virtual de discussão - http://groups.google.com.br/group/censobrasil2010-pcdOutras informações: GRUPO DE DISCUSSÃO VIRTUALcensobrasil2010-pcd@googlegroups.comCenso2010.pcd@gmail.com CLARICE KAMMER PERL- Geógrafa - Diretora de Política Social do INIS - Conselheira-suplente do CMPD-SPE-mail - clarakammer@gmail.com

MAIS DE CEM ASSINATURAS EM NOSSO MANIFESTO!!!!!!!

Assinatura nº 106: Yole Caroline
Assinatura nº 105: Ana Maria
Assinatura nº 104: Cássia
Assinatura nº 103: Roberta
Assinatura nº 102: Andressa
Assinatura nº 101:Carlos Donizetti






ATÉ AGORA CEM PESSOAS LERAM E APOIARAM NOSSO MANIFESTO:
COM MUITA EMOÇÃO AGRADECEMOS A TODAS ESSAS PESSOAS.

ASSINATURA 099 - LEILA C. A.
ASSINATURA 100 - FLORENTINA M. S

PARTICIPE TAMBÉM DE NOSSA LUTA,
LEIA O MANIFESTO E SE CONCORDAR COM O TEXTO ASSINE:

http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/3657



quinta-feira, 13 de maio de 2010

TV - conteúdo de filmes e séries DUBLADO E SEM LEGENDAS? -

Lembramos aos apressadinhos que nos do Sulp não embarcamos na discussão tipo "gosto ou não gosto de legendas" para nós a legenda em português é questão de ACESSIBILIDADE do mesmo modo que os cadeirantes necessitam rampas e vagas especiais e os cegos precisam de audiodescrição.
Vejam os links com textos normativos e legais:
NORMAS ABNT
http://portal.mj.gov.br/corde/arquivos/ABNT/NBR15290.pdf



LEI DA ACESSIBILIDADE
http://www.acessobrasil.org.br/index.php?itemid=329

Um texto do nosso blog sobre legendas no cinema e tv:
http://sulp-surdosusuariosdalinguaportuguesa.blogspot.com/2009/01/sobre-tv-e-cinema-nacional-legendados_23.html#links





A DUBLAGEM PODE ATÉ SER ÚTIL PARA OS QUE NÃO CONSEGUEM LER POR DEFICIÊNCIA VISUAL OU ATÉ MESMO PARA AS PESSOAS ANALFABETAS...MAS E OS QUE PREFEREM OUVIR O SOM ORIGINAL OU OS QUE DEPENDEM DE LEGENDAS PARA PODER ACOMPANHAR A PROGRAMAÇÃO?
AO ATENDER AS PREFERÊNCIAS OU NECESSIDADES DE ALGUNS OUTROS FICAM SEM OPÇÃO.
ENTENDEMOS QUE DUBLAGEM E AUDIODESCRIÇÃO SÃO RECURSOS PARA OS CEGOS E DEFICIENTES VISUAIS E QUE TAMBÉM PODE SER ÚTIL PARA PESSOAS ANALFABETAS.
MAS DE QUE VALE DIVULGAR RECURSOS QUE NÃO COBREM TODAS AS NECESSIDADES DOS ESPECTADORES COMO NO CASO DOS SURDOS E DEFICIENTES AUDITIVOS QUE DEPENDEM DE LEGENDAS EM PORTUGUÊS.
É PRECISO LEMBRAR QUE A LEITURA LABIAL NÃO É OPÇÃO PORQUE OS FILMES NÃO FOCALIZAM ROSTOS O TEMPO TODO E ALÉM DISSO OS FILMES ESTRANGEIROS SÃO FALADOS EM OUTROS IDIOMAS.
APESAR DE EU (Sôramires que envio esta postagem) PREFERIR O IDIOMA ORIGINAL E SUA TRADUÇÃO LEGENDADA EM PORTUGUÊS AO OPTAR POR EMITIR UMA VERSÃO EXCLUSIVAMENTE DUBLADA QUALQUER EMISSORA ESTARÁ IMPEDINDO QUE OS DEFICIENTES AUDITIVOS POSSAM TER ACESSO A SUA PROGRAMAÇÃO.

ENTÃO MESMO QUE POR RAZÕES MERCADOLÓGICAS OU COMERCIAIS AS EMISSÕES SEJAM EM PORTUGUÊS É NECESSÁRIO TAMBÉM COLOCAR LEGENDAS EM PORTUGUÊS.

JÁ DEIXEI DE ASSISTIR A FILMES E SÉRIES DUBLADOS NA TV ABERTA PORQUE NÃO EXISTE A LEGENDA QUE DEVERIA TAMBÉM SER EMITIDA.
EM ALGUNS CASOS TENHO VISTO FILMES E SÉRIES DUBLADOS EM PORTUGUÊS COM LEGENDAS EM INGLÊS.
ISSO SÓ DEMONSTRA O TOTAL DESCASO DAS EMPRESAS AO NÃO CUMPRIREM REGRAS DE ACESSIBILIDADE...
CABE AO ASSINANTES ESCREVER PARA SUAS EMPRESAS DE TV A CABO E AOS ESPECTADORES DOS CANAIS ABERTOS RECLAMAR NO SITE DAS EMISSORAS.

E SEMPRE TEMOS QUE LEMBRAR AOS ANUNCIANTES, PATROCINADORES, PRODUTORES ETC QUE OS SURDOS E DEFICIENTES AUDITIVOS SÃO CONSUMIDORES DE PRODUTOS E SERVIÇOS E AS INFORMAÇÕES E PUBLICIDADES VEICULADAS TAMBÉM DEVEM SER ACESSÍVEIS ATRAVÉS DE LEGENDAS.

OS PARTIDOS POLÍTICOS JÁ PERCEBERAM ISSO E VEJO UM NÚMERO CRESCENTE DE PROPAGANDA POLÍTICA LEGENDADA.

ALGUNS ANUNCIANTES E ÓRGÃOS DO GOVERNO TAMBÉM ESTÃO COLOCANDO LEGENDAS EM PUBLICIDADES VEICULADAS NA TV.

EM RESUMO: CONSIDERAMOS UM RETROCESSO ESSA IDEIA DE VEICULAR PROGRAMAS DUBLADOS EM PORTUGUÊS SEM LEGENDAS.


http://blogs.jovempan.uol.com.br/parabolica/noticias/hbo2-tera-conteudo-dublado-a-partir-de-junho/


HBO2 terá conteúdo dublado a partir de junho
Por José Armando Vannucci em 11 de maio de 2010 (terça-feira)14 comentários

Baseado em pesquisas que apontam o comportamento de quem assiste TV a cabo e de olho em novos assinantes, o grupo HBO investirá em conteúdo dublado, a partir do dia 1º de junho. A programação em português estará disponível no HBO2, que terá uma grade independente do HBO, canal principal do grupo. Segundo Gustavo Grossman, gerente-geral da HBO Networks Latin America, “essa é uma estratégia que está alinhada ao crescimento da TV por assinatura no País e ao aumento da diversidade dos assinantes da HBO”. O executivo ressalta que o grupo constatou que “um canal com programação em português garantiria ainda mais a satisfação dos assinantes”. “Sangue Negro”, “Batman – O Cavaleiro das Trevas” e “Exterminador do Futuro: A Salvação” são alguns dos títulos dublados para o mês de estreia da nova estratégia do HBO2.

Postagem sugerida pelo amigo SULP Drauzio Resende

terça-feira, 11 de maio de 2010

IMPLANTE COCLEAR - mais notícias

Implante Coclear - Parte 1 e 2
O implante coclear é um equipamento eletrônico computadorizado que substitui parte do aparelho auditivo de pessoas com surdez total ou quase total.
Para se candidatar à cirurgia, antes é preciso passar por uma avaliação médica, psicológica e fonoaudiológica. O implante é um dispositivo de alta tecnologia e custa cerca de R$ 45 mil. O Hospital das Clínicas realiza gratuitamente essa cirurgia, pelo SUS, desde 1999.
Os pacientes que têm interesse em se submeter a esse procedimento podem se inscrever pela internet (no site www.implantecoclear.org.br). O paciente, juntamente com seu médico e o fonoaudiólogo que o estão encaminhando, deve preencher uma série de dados no formulário disponível no site, que serão analisados e escolhidos por uma equipe do HC.

Acompanhe a reportagem:
http://hctv.com.br/noticia-implante-coclear-parte-1




Confira agora a segunda parte da reportagem sobre o implante coclear. Hoje, você vai ver como os pacientes se adaptam ao mundo dos sons.

Acompanhe a reportagem:
http://hctv.com.br/noticia-implante-coclear-parte-2

Mais estudos:
http://revistas.pucsp.br/index.php/dic/article/view/12527/12376


Tire sempre suas dúvidas com o seu médico uma boa relação médico-paciente é a base para o sucesso terapêutico.
Departamento de Divulgação HCTV

quinta-feira, 6 de maio de 2010

REPASSANDO E-MAIL DO VEREADOR LEONARDO MATTOS

Movimento em favor da Aposentadoria Especial para deficientes

Ola cristina ferber vieira lessa,

Ajude-nos na aprovação do Projeto de Lei Complementar nº277/2005, que concede aposentadoria especial para as pessoas com deficiência.

Após o projeto ter sido aprovado, no dia 14 de abril, na Câmara dos Deputados, terei uma reunião com o Presidente do Senado Federal, José Sarney, no dia 12 de maio, solicitando que a proposta seja colocada em pauta para votação.

Este projeto é um dos mais importantes para o segmento. Com ele vamos melhorar, consideravelmente, a qualidade de vida das pessoas com deficiência. Por isso farei todo o esforço para sua aprovação!

Mande e-mails, cartas ou ligue para os Senadores pedindo que o PLP277/2005 seja colocado em pauta e aprovado!

>>> Saiba mais sobre o PLP277/2005

E-Mails dos senadores (copie e cole):

acir@senador.gov.br, adelmir.santana@senador.gov.br, alfredo.nascimento@senador.gov.br, almeida.lima@senador.gov.br, mercadante@senador.gov.br, alvarodias@senador.gov.br, acmjr@senador.gov.br, antval@senador.gov.br, arthur.virgilio@senador.gov.br, augusto.botelho@senador.gov.br, cesarborges@senador.gov.br, cicero.lucena@senador.gov.br, cristovam@senador.gov.br, delcidio.amaral@senador.gov.br, demostenes.torres@senador.gov.br, edison.lobao@senador.gov.br, eduardoazeredo@senador.gov.br, eduardo.suplicy@senador.gov.br, efraim.morais@senador.gov.br, eliseuresende@senador.gov.br, ecafeteira@senador.gov.br, fernando.collor@senador.gov.br, flavioarns@senador.gov.br, flexaribeiro@senador.gov.br, francisco.dornelles@senador.gov.br, garibaldi.alves@senador.gov.br, geraldo.mesquita@senador.gov.br, gecamata@senador.gov.br, gilvamborges@senador.gov.br, gim.argello@senador.gov.br, helio.costa@senador.gov.br, heraclito.fortes@senador.gov.br, inacioarruda@senador.gov.br, jarbas.vasconcelos@senador.gov.br, jayme.campos@senador.gov.br, jefferson.praia@senador.gov.br, joaodurval@senador.gov.br, joaoribeiro@senador.gov.br, jtenorio@senador.gov.br, j.v.claudino@senador.gov.br, jose.agripino@senador.gov.br, josenery@senador.gov.br, sarney@senador.gov.br, leomar@senador.gov.br, magnomalta@senador.gov.br, maosanta@senador.gov.br, crivella@senador.gov.br, marco.maciel@senador.gov.br, marconi.perillo@senador.gov.br, mario.couto@senador.gov.br, mozarildo@senador.gov.br, neutodeconto@senador.gov.br, osmardias@senador.gov.br, paulo.duque@senador.gov.br, paulopaim@senador.gov.br, simon@senador.gov.br, raimundocolombo@senador.gov.br, renan.calheiros@senador.gov.br, renatoc@senador.gov.br, robertocavalcanti@senador.gov.br, romero.juca@senador.gov.br, romeu.tuma@senador.gov.br, sergio.guerra@senador.gov.br, zambiasi@senador.gov.br, tasso.jereissati@senador.gov.br, tiao.viana@senador.gov.br, valdir.raupp@senador.gov.br, valterpereira@senador.gov.br

Assinatura
Desde já agradeço,
A braços
Vereador Leonardo Mattos

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Isenção de IPI na compra de carros nacionais para pessoa com deficiência auditiva

EMBORA O ASSUNTO COMPRA DE AUTOMÓVEL NÃO SEJA VISTO COMO PRIORITÁRIO PELOS QUE FAZEM ESTE BLOG REPRODUZIMOS A MATÉRIA ABAIXO POR SER DE INTERESSE DOS DEFICIENTES AUDITIVOS DE MODO GERAL.

ENFATIZAMOS QUE NOSSO OBJETIVO É LUTAR POR EQUIPAMENTOS AUXILIARES (TELEFONES, E OUTROS) APARELHOS AUDITIVOS, IMPLANTES COCLEARES E ACESSÓRIOS MAIS BARATOS E LIVRES DE IMPOSTOS.

E QUE OS GASTOS COM A COMPRA DESSES EQUIPAMENTOS ASSISTIVOS SEJAM DEDUTÍVEIS DO IMPOSTO DE RENDA.

QUEREMOS ACESSIBILIDADE CULTURAL, ESCOLAR, NA COMUNICAÇÃO, ETC ATRAVÉS DE TEATRO, CINEMA E TV COM LEGENDAS EM PORTUGUÊS,
ESCOLAS DOTADAS DE SISTEMA DE ESTENOTIPIA,
SALAS DE CONCERTO E CONFERÊNCIA DOTADAS DE AMPLIFICADORES DE INDUÇÃO MAGNÉTICA (HEARING LOOP),
AVISOS ESCRITOS QUE ACOMPANHEM AVISOS POR SISTEMA SONORO,
E OUTRAS MODALIDADES DE ACESSIBILIDADE PARA OS DEFICIENTES AUDITIVOS.








Isenção de IPI
Senado Federal aprova isenção de IPI na compra de carros nacionais para Pessoa com Deficiência Auditiva.


Fonte:
http://sentidos.uol.com.br/canais/materia.asp?codpag=13452&canal=cidadania

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou na terça-feira (27/04) projeto de lei que estende aos deficientes auditivos a isenção de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) na aquisição de automóveis de passageiros de fabricação nacional.A proposta pode ser encaminhada à Câmara dos Deputados caso não haja recurso para apreciação no Plenário do Senado.
O autor, senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), informou que desde 1995 as pessoas com deficiência têm direito a isenção de IPI na compra de carros. Entretanto, esse benefício exclui os deficientes auditivos, cuja integração à sociedade o senador considerou "penosa e notória".
Em relatório sobre a proposta, o senador João Vicente Claudino (PTB-PI) disse que a exclusão dos deficientes auditivos do benefício previsto na Lei 8.989/95 "é incoerente e os equipara aos indivíduos sem deficiência física, não atentando para as limitações e dificuldades de quem está desprovido do sentido da audição".
Conforme o relator, o mérito do projeto (PLS 646/07) é indiscutível, "pois a medida proposta corrige inexplicável distorção da legislação tributária, consubstanciada na injusta exclusão dos deficientes auditivos dos benefícios já aplicáveis aos autistas e aos deficientes mentais e visuais".O Presidente do ICEP Brasil (Instituto Cultural, Educacional e Profissionalizante de Pessoas com Deficiência), Sueide Miranda Leite, já contatou o Deputado Rodrigo Rollemberg, líder do PSB na Câmara dos Deputados e o Deputado Ribamar Alves do PSB/MA para pedir o apoio necessário para aprovação desse projeto que vem corrigir uma grande injustiça.Hoje, conforme a Lei nº 8.989 de 1995, só as pessoas com deficiência física, visual, mental severa ou profunda, ou autistas, ainda que menores de 18 (dezoito) anos, podem adquirir, diretamente ou por intermédio de seu representante legal, com isenção do IPI, automóvel de passageiros ou veículo de uso misto, de fabricação nacional, classificado na posição 87.03 da Tabela de Incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados, ficando fora dessa grande conquista os deficientes auditivos que agora com a aprovação do PLS 646/07 no Senado e posteriormente na Câmara terá garantido esse direito.Fonte: ICEP Brasil

II CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE SORDERAS, COMUNICACIÓN Y APRENDIZAJE. AVANCES EN LA MODALIDAD ORAL

Agradecemos ao amigo surdo oralizado MARCOS CORDEIRO DE SOUZA BANDEIRA que nos enviou esta importante notícia:


http://www.congres.cergistal-uab.cat/es/index.php


Hoy en día los avances tecnológicos y los nuevos métodos de detección y diagnosis de la sordera comportan cambios importantes. Estos avances están dirigidos a personas con deficiencias auditivas, así como a su entorno social, familiar y educativo. En este marco, el
Centro de Investigación GISTAL
(Grupo de Investigación sobre Sorderas y Trastornos en la Adquisición del Lenguaje) organiza el II Congreso Internacional sobre Sorderas: Comunicación y Aprendizaje.
Avances en la modalidad oral, que se celebrará en la Facultad de Psicología de la Universidad Autónoma de Barcelona (UAB) los días 3 y 4 de junio de 2010.

Este II Congreso tratará tres temas principales: lenguaje oral y escrito, desarrollo en la primera infancia, y aprendizaje y cognición.

Los asistentes serán principalmente profesionales de la psicología, la logopedia, la educación y la audiología.
El Congreso analizará y tratará las contribuciones sobre buenas prácticas desarrolladas por familias y por profesionales, y se abordará la investigación realizada por equipos de investigación de diferentes centros y universidades.
El Congreso se desarrollará en sesiones plenarias, comunicaciones orales, talleres, presentaciones de pósteres y una mesa redonda.

sábado, 1 de maio de 2010

Mais adesões ! Depoimentos importantes!

Vânia:
Sou portadora de otosclerose. Meu processo de perda vem há 18 anos, desde a minha gravidez. Em 2008, durante um tratamento de câncer, fiz algumas sessões de quimioterapia. Enfim, hoje tenho perda bilateral severa, mas faço uso de próteses auditivas e com isso consigo me comunicar bem. Sou publicitária, tenho uma vida muito ativa. Mas me limito a fazer algumas coisas por pura falta de recursos: assistir TV (pouquissimos programas de TV tem legenda), assistir um filme nacional (nunca tem legenda), usar telefone com aparelho auditivo é um horror (meu aparelho tem poucos recursos justamente pela perda severa, não atendendo outras necessidades), ambientes públicos sem pessoal capacitado para atender um deficiente auditivo, enfim, sou adepta a esse abaixo assinado, visando uma melhor qualidade de vida a todos nós.


Meu nome é Solange, moro no Rio de Janeiro- Bairro Campo Grande. Sou ouvinte, professora da Sala de recursos onde atendo surdos. Procurei o INES para aprender LIBRAS. Fiz ano passado o CEAD (curso específico para professores) e o nível I em LIBRAS; esse ano estou fazendo o nível II. Eu apoio o manifesto.

David:
Deficiente Auditivo, profundo/severo, candidato a implante coclear. Advogado, Licenciado em Letras (lingua portuguesa e lingua inglesa), exerce atividade de Supervisor de Recursos Humanos. Perdi minha audição aos 41 anos de idade. Minha lietura labial ainda é precária. Dependo de legendas para assistir/entender noticiários, filmes e outros meios de informação. Apoio inteiramente a ação do SULP quanto ao abaixo assinado em epígrafe.

Cássia:
Perdi a audição aos 28 anos anos.A perda se deu, por infecção bacteriana. Não tenho curso superior, e nenhuma condição financeira de fazer cursos. Era comerciante antes da perda. Tenho uma filha de 14 anos. Estou desempregada, deprimida, por não ter mais idade para concorrer com os mais jovens, em vagas de concurso. Sei fazer bijuterias,mas a renda não é certa, isso me causa muita instabilidade, insegurança. Moro com minha mãe de 75 anos, numa casa alugada por ela. Ela que vem pagando, tudo para mim e minha filha. Isso e constrangedor para mim, pois me acho muito capaz. Mas sem dinheiro nada funciona. Torço muito, para que antes da minha velhice, eu possa ter como dar a minha filha, a certeza, que eu tenho dignidade, pois sem trabalho não tenho como me sentir digna.


Wagner:
surdo unilateral

Vera Lúcia:
Tenho surdez seletiva {a partir dos 37anos e gradativamente} hoje ela é severa e bilateral. Os aparelhos pouco adiantam para o meu caso.Sou assistente social,e parei minhas atividades por dois anos e meio e estou retomando agora,apos o falecimento do meu marido,amigo e companheiro de jornada.Um abraço a todos,Vera Lúcia.